Make your own free website on Tripod.com
       
 

"O sucesso é ensinável"

Esta afirmativa do terapeuta Kau Mascarenhas mostra que é possível atingir o sucesso usando ferramentas que estimulem esse processo.



Em busca de melhor aproveitamento dos seus funcionários, as empresas estão investindo em treinamentos especializados, onde o desenvolvimento humano é o principal tema abordado. Uma das técnicas mais utilizadas atualmente é a PNL (Programação Neurolinguística). Chamada também de "A nova tecnologia do sucesso", essa ferramenta possibilita um retorno quase imediato após o treinamento, além de permitir um melhor relacionamento entre as pessoas, já que um dos pontos principais é saber lidar com as diferenças.


Na década de 70, os estudiosos Richard Blander (matemático, perito em informática, terapeuta) e Jonh Grinder (linguista) uniram-se com o objetivo de descobrir qual a estrutura que havia por detrás da excelência de algumas pessoas. Pesquisaram grandes nomes da área terapêutica que na época se destacavam pelos seus excepcionais resultados como Virgínia Perls (conhecida pelos seus trabalhos com terapia familiar) e Milton Erickson (hipnoterapeuta reconhecido mundialmente). A partir daí surgiu a PNL, atualmente praticada por profissionais em diversas áreas.


As pesquisas apontaram que por detrás de experiências subjetivas existe uma estrutura, uma forma de perceber como as coisas se organizam, assim fica mais fácil saber como funcionam as pessoas de sucesso. "Dizer não basta, mostrar a estrutura mental que produz esses resultados facilita o ensinamento sobre sucesso", afirma Mascarenhas. Chamada de modelagem, essa técnica diz que o indivíduo deve ter um outro como referencial, e incorporar aspectos que dão certo no pensamento e na comunicação para que sua identidade seja mantida.


Atualmente as empresas estão voltadas para tecnologias novas de pensamento, palavra e ação e quem não estiver atento a isso vai ficar para trás. "A empresa já verificou que um funcionário bem resolvido, satisfeito com as condições de trabalho produz mais, então elas estão investindo nisso", esclarece Erinaldo Peixoto, consultor em treinamentos motivacionais. Para que esse trabalho seja bem sucedido, é preciso que o líder perceba que antes de treinar o funcionário, ele deve fazer parte desse meio. Entender suas dificuldades já é um passo para melhorar essa relação.


Com a PNL, o profissional compreende melhor aos outros e a si mesmo, conhecendo assim os processos de comunicação e mudança, isso contribui para que a empresa melhore e seja excelente no atendimento ao cliente. A psicopedagoga Cláudia Rocha diz que o local de trabalho nada mais é do que pessoas que nele vivem, comunicam, trocam, crescem, elaboram estratégias e definem objetivos, por isso que treinamentos desse nível precisam ser desenvolvidos.


O fundamento da PNL é de que há em cada pessoa um enorme potencial, "um gigante adormecido", que está sempre à espera para ser despertado. Seus seguidores não acreditam nas limitações humanas, e sim na capacidade inerente das pessoas de obter mais sucesso, ter mais criatividade, flexibilidade, ser mais eficiente e assim obter excelência no que realiza. "Outro ponto que considero importante é que passamos a perceber mais claramente que cada ser humano tem um modelo de mundo diferente", lembra Cláudia Rocha. "Para toda equipe dá certo as pessoas têm que respeitar umas as outras. "Todos são partes integrantes de uma equipe onde cada componente é importante", completa Peixoto.


Para Kau Mascarenhas a PNL pode ser usada para promover aquilo que o solicitante quer "tanto clientes de terapia querendo emagrecer como empresas interessadas em treinar seus líderes". Ao trabalhar o ser humano, liberando seu potencial, tudo mais é conseqüência. O indivíduo passa a perceber o mundo de maneira diferenciada. Logo, qualquer que seja seu objetivo, é preciso observar e passar a entender você e os outros como seres humanos, dotados de emoções, sonhos e ambições diversas.

 
"O sucesso é ensinável"

CURIOSIDADE

O que significa a terminologia Programação Neurolinguística?

Por onde começar

 

 
<< ANTERIOR
 
PRÓXIMA >>
   
Copyright 2001, Editora EDUCERE S.A. - Todos os direitos reservados. All rights reserved.